DIÁLOGOS INTERDISCIPLINARES SOBRE MEIO   AMBIENTE: SABERES E INTERLOCUÇÕES

O Seminário

O VIII Seminário de História Ambiental - Diálogos Interdisciplinares sobre Meio Ambiente: Saberes e Interlocuções visa reunir historiadores, economistas, internacionalistas, cientistas sociais, juristas, geógrafos etc. em perspectivas multivariadas que contemplam a inter e a multidisciplinaridade em pesquisas relativas à temática meio ambiente. Tais preocupações se revelam pelo processo histórico de inter-relação do homem e suas ações com o que se conceitua como "natureza", que aumentam a demanda por recursos naturais devido ao crescimento populacional, ao processo de urbanização, à industrialização, à geração de energia, à irrigação, às discussões políticas e jurídicas sobre os diferentes conflitos e temas, com destaque para os processos e efeitos relativos aos impactos ambientais, cujos resultados se fazem sentir de forma diferenciada por diferentes grupos ou classes sociais, gerando e fomentando problemas de diversas ordens para toda a sociedade. Desta forma, este seminário visa estabelecer um espaço de interlocução com pesquisadores que se debruçam sobre o tema do meio ambiente nas mais variadas abordagens, inter-relações e orientações teóricas e metodológicas, buscando amplificar o espaço de debate sobre o tema, seus problemas e desafios.

O VIII Seminário de História Ambiental é uma realização do Grupo de Trabalho (GT) - História Ambiental - da Associação Nacional de História (Anpuh-SP) em parceira com a Sociedade Brasileira de Economia Ecológica (EcoEco), a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), a Escola Paulista de Política, Economia e Negócios (EPPEN), o Departamento de Economia e o Programa de Pós-graduação em Economia e Desenvolvimento - Linhas de pesquisa: "Desenvolvimento: Teoria e História" e "Políticas Públicas, Inovação e Desenvolvimento", e o Laboratório de Estudos Interdisciplinares e Análises Sociais (Leia), com apoio de RRVet Consultoria Médico Veterinária.